Saneamento do Cadastro de Clientes

“Se não tomares conta do teu cliente, alguém tomará.”

Desconhecido

Quando falamos de saneamento do cadastro de clientes lembramos logo das questões fiscais, isto é, precisamos de um cadastro adequado para atender as inúmeras exigências legais no Brasil.

Um cadastro incorreto leva a notas fiscais denegadas, cálculo de impostos incorretos e até a conivência com fraudes. Somente com falhas ou omissões na declaração de IR, em 2020, a receita autuou quase 4.000 empresas.

Pensar o saneamento de cadastro de clientes, apenas com o foco fiscal é um tremendo equívoco.

A citação de abertura deste texto demonstra a importância de entender o seu cliente, até porque se você não o fizer alguma outra empresa fará.

Para tomarmos conta do nosso cliente precisamos diagnosticar:

  • Como ele chegou até a gente?
  • Qual a situação atual deste cliente?
  • Qual o potencial de compra deste cliente? Ele realmente pode comprar o que oferecemos?
  • Ele está legalmente apto a fazer negócios?

Durante trabalhos de saneamento de cadastros verificamos taxas que algumas vezes alcançam os 60% de clientes que simplesmente não podem mais comprar os produtos e serviços da empresa.

Estes clientes não podem mais adquirir os bens e serviços pois:

  • Suas empresas foram encerradas ou inabilitadas;
  • Não podem ser contatados, pois os dados de cadastro não correspondem mais a realidade;
  • Mudaram de ramo e não são mais elegíveis aos produtos vendidosl
  • Não querem mais negociar.

Além disso, encontramos falhas de completude, duplicidade, conformidade, precisão e acurácia. Se quiser saber um pouco mais sobre o assunto veja esse artigo aqui.

É fácil observar o custo de uma autuação fiscal por causa de um erro cadastral, mas como medir o tempo gasto pela sua equipe comercial trabalhando com cadastros incorretos?

O saneamento e a padronização da base de clientes, antes de ser um gasto é um investimento que permitirá a sua empresa:

  • Focar nos clientes com mais potencial;
  • Descartar clientes inativos;
  • Melhorar o compliance das operações;
  • Reduzir o tempo e o custo nas tentativas de comunicação.

Há um conjunto de técnicas de saneamento que podem ser adotadas pela sua organização para melhorar a qualidade do cadastro. Veja um pouco mais neste texto dividido em Parte 1 e Parte 2.

Obviamente, pode fazer muito sentido contratar uma empresa especializada para que no menor tempo possa sanear sua base de clientes ajudando a sua equipe comercial realizar mais vendas.

O saneamento de clientes pode passar pelas seguintes etapas:

  1. Entendimento dos seus objetivos de negócios e a atual situação de sua base.
  2. Busca por dados oficiais (Receita Federal, Sintegra, Simples, Certidões, Processos e etc).
  3. Análise de Crédito (Serasa, Boa Vista e outros).
  4. Descoberta de telefones e e-mails corretos.
  5. Obtenção de dados privados, através de ligações telefônicas.
  6. Padronização e transformação de dados.

Ao seguir as seis etapas sua empresa conseguirá alavancar mais vendas e otimizar o tempo de sua equipe comercial ou de marketing, além de atender as obrigações fiscais.

É isso! Bons negócios!

Clique aqui para conhecer a plataforma 4MDG.

Leia também Aplicando Pareto na Gestão da Qualidade dos Dados Mestres

Faça parte e um dos maiores grupos de especialistas em gestão de cadastros. Clique aqui para entrar em nosso grupo no LinkedIn.

Tags: | | | | | | | | | | | | |

Quer conhecer sobre o universo dos dados mestres?

Receba gratuitamente nosso e-book sobre MDM e entre em uma das carreiras mais quente do momento

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

4 Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.
%d blogueiros gostam disto: