Mitos e Fatos sobre MDM – 3

Quando falamos de Gestão de Dados Mestres, alguns mitos e fatos sobre MDM são propagados com muita frequência, é importante entendermos o que é verdadeiro ou não.

“Adotar PDM (padronização descritiva de materiais) é suficiente para a gestão de dados mestres”.

MITO: PDM é uma forma de organização e classificação do cadastro de materiais. Apesar de importante, essa ação isolada não é suficiente para implementar a disciplina de gestão de dados mestres em sua empresa.

Muitos fornecedores vendem soluções de PDM como softwares de MDM, o que provoca muita confusão na cabeça dos interessados.

MDM > PDM.

“Posso fazer minha gestão de dados mestres usando apenas o ERP e EXCEL”.

Parcialmente verdade: Uma boa parte das empresas usam ERP+Excel para a gestão de cadastros.

Há riscos de perda de informação, vazamento de dados e aumenta a possibilidade da geração de dados não integros.

Com o crescimentos dos negócios, as empresas precisam pensar na aquisição de um software de MDM.

“O uso de uma boa solução de MDM colabora com a governança de dados e com o compliance da empresa”.

FATO: A governança de dados é mais ampla por gerir todos os tipos de dados de uma organização. Mas uma solução de MDM colabora no processo por permitir uma gestão mais efetiva dos dados mestres (clientes, fornecedores, produtos e etc).

As rotinas de “background check ” reduzem o risco de fraudes em negociações com clientes e fornecedores aumentando o compliance das operações.

Uma visão 360 graus dos principais domínios de dados permite que a empresa tome melhores decisões de negócios.

Quer melhorar a governança de dados mestres na sua empresa?

Clique aqui para conhecer a plataforma 4MDG.

Curtiu esses Mitos e Fatos sobre MDM? Leia também o primeiro artigo Mitos sobre MDM.

Tags: | | | | | | | | | | | | | |

Quer conhecer sobre o universo dos dados mestres?

Receba gratuitamente nosso e-book sobre MDM e entre em uma das carreiras mais quente do momento

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

0 Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.
%d blogueiros gostam disto: