Criando ou alterando dados em massa no SAP

Como importar dados no SAP ERP evitando a digitação e ganhando tempo?

Quase todos os usuários de SAP ERP já se depararam com o desafio de lançar muitas informações no sistema. Em alguns casos levam-se dias para criar manualmente todos os registros. Muitas vezes temos a demanda de criar centenas de materiais, clientes ou fornecedores e temos que fazer isso UM a UM, o que é uma grande perda de tempo e dinheiro.

Existe uma forma rápida e inteligente para cadastrar muitas informações no sistema SAP. É o uso de uma excelente ferramenta chamada LSMW.

LSMW,  Legacy System Migration Workbench, suporta a transferência de dados de arquivos (“planilhas”) para sistemas SAP. Esta pode ser uma transferência única ou periódica.

Se você precisa dar uma carga de dados, então a LSMW pode ser a solução que você tanto procura.

Basicamente, a LSMW pode ser usado para as 3 funções principais:

  • Importação de dados de sistemas não SAP (ex: Excel)
  • Conversão de dados do formato de origem para o formato SAP.
  • Importação de dados convertidos (incluindo verificação de consistência)

Com a LSMW você pode criar e alterar dados mestres, dados de transação e dados de Customizing.

Há várias formas de se usar a ferramenta, uma delas é com o recurso batch input que emula a entrada de dados por um usuário. 

Batch input é um recurso que usamos para alimentar o sistema SAP, emulando a transação em questão, por exemplo, um cadastro de materiais.

Neste cenário criamos as pastas batch input, que possuem os códigos de transação (TCODES) necessários e as informações que serão transmitidas ao SAP. 

Devemos sempre formatar os dados de origem para estar em conformidade com os formatos do SAP.

Ao usarmos o LSMW com o recurso batch input, passamos pelas seguintes etapas:

  • Início da transação;
  • Verificando o perfil do usuário e suas autorizações;
  • Entrada de dados no sistema;
  • Verificando se os dados estão corretos conforme a estrutura do SAP;
  • Criando os dados (alimentando as transações).

Aprendendo a usar a LSMW você poderá:

  • Importar clientes em massa para o sistema;
  • Importar uma planilha com seus fornecedores para atualizar o SAP;
  • Modificar centenas ou milhares de materiais (produtos) de uma única vez e muito mais.

Há, uma outra forma de criar registros em massa no SAP, a partir do Excel se quiser ver como fazer leia este artigo.

Abaixo você verá um vídeo de um consultor explicando como criar e executar uma LSMW, este vídeo, também, pode ser consultado no blog da SAP.

Bons negócios!

Leia também Unidade de Medida no Cadastro de Material no SAP
Quer fazer parte do nosso grupo e compartilhar conhecimentos com uma galera fera? Clica aqui!

Tags: | | | | | | | | | | | | | | | | | |

Quer conhecer sobre o universo dos dados mestres?

Receba gratuitamente nosso e-book sobre MDM e entre em uma das carreiras mais quente do momento

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

0 Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.
%d blogueiros gostam disto: